terça-feira, 26 de julho de 2016

Paulo Henrique Amorim causa climão ao desprezar nova apresentadora do 'Domingo Espetacular'

Paulo Henrique Amorim e Patricia Costa - Rep Rede RecordPaulo Henrique Amorim teria desejado "más-vindas" a jornalista Patricia Costa, que assumiu o comando do 'Domingo Espetacular' junto com o veterano.
Segundo o colunista Daniel Castro, a confusão começou quando o apresentador respondeu a um email de boas-vindas a Patricia, enviado por Anael de Souza, editor-chefe da revista eletrônica da Record, dizendo: "Janine Borba é insubstituível". Patria era garota do tempo e também fazia algumas reportagens.
A partir dessa semana, Janine Borba assume o lugar de Adriana Araújo no 'Jornal da Record', enquanto a titular do telejornal vai comandar as transmissões das Olimpíadas no Rio de Janeiro.
Para piorar a situação de Patricia, no mesmo programa também trabalha Thalita Oliveira, com quem ela não fala há muito tempo.
Por conta de toda essa confusão nos bastidores, acredita-se que mudanças serão feitas no programa assim que as Olimpíadas chegarem ao fim.
Paulo Henrique Amorim não é visto com bons olhos por conta de seu engajamento político fora da TV, mas ao mesmo tempo pesquisas da Record mostram que ele é a cara do 'Domingo Espetacular'.

Técnico novo! Cruzeiro anuncia retorno de Mano Menezes

Mano, em sua primeira passagem: oito vitórias, seis empates e apenas duas derrotas(Foto: Dudu Macedo/Fotoarena/Lancepress!)O Cruzeiro anunciou o substituto do técnico Paulo Bento em menos de 24h após a demissão do português. Na manhã desta terça-feira, Mano Menezes foi confirmado como o novo comandante celeste.
O treinador gaúcho chega para a segunda passagem no clube, onde esteve entre setembro e dezembro de 2015. Logo depois, deixou o Cruzeiro para comandar o Shandong Luneng, da China.
Mano terá a missão de tirar os mineiros da zona do rebaixamento do Brasileirão. Atualmente, a equipe é a 19ª colocada na tabela, com 15 pontos em 16 jogos.
Primeira passagem
Em 2015, Mano Menezes foi o treinador do Cruzeiro em 16 partidas do Campeonato Brasileiro. Ele assumiu a equipe estrelada em setembro e estreou na goleada de 5 a 1 sobre o Figueirense no Mineirão. O saldo do treinador no comando da equipe celeste na temporada passada foi de oito vitórias, seis empates e apenas duas derrotas.
Conforme o site do clube mineiro recorda, a equipe celeste dirigida por Mano Menezes permaneceu invicta por 13 partidas dentro da competição nacional e passou de 16º colocado a 8º, chegando a brigar por uma vaga na Libertadores até a penúltima rodada. Durante a trajetória do treinador no comando da Raposa, a equipe marcou 27 gols e sofreu 13.

quinta-feira, 21 de julho de 2016

Última chance de ver Mercúrio, Vênus, Marte, Júpiter e Saturno alinhados neste ano



Novamente neste ano, os planetas alinhados poderão ser vistos a olho nu por cerca de um mês. Entre janeiro e fevereiro, nós, terráqueos, pudemos ver o fenômeno na hora do amanhecer, e novamente teremos acesso a ele entre julho e agosto, porém, durante o pôr-do-sol. De acordo com o Australian Geographic, o evento poderá ser acompanhado do mundo todo. O fenômeno foi visto anteriormente em 2005 e só acontecerá novamente em outubro de 2018, segundo o site. 

Para ver Mercúrio, Vênus, Marte, Júpiter e Saturno alinhados, encontre um espaço de céu aberto sem nuvens e observe o sudoeste. Mercúrio é o menor planeta, logo, é o mais difícil de ser visto. Vênus e Júpiter, os mais brilhantes, são mais visíveis quando o sol está quase “sumindo”. Marte é o planeta mais avermelhado, e Saturno possui tons.


Os planetas serão os corpos celestes mais brilhantes vistos da Terra, depois do Sol e da Lua. Para distingui-los de estrelas, o astrônomo Jason Kendall, da Universidade William Paterson, em Nova Jersey (EUA), ensina: "Feche um dos olhos. Estique o braço e coloque o seu dedo polegar para cima. Lentamente, passe-o de um lado para o outro do planeta ou estrela que você vê no céu. Se a luz se atenuar quando o polegar passar sobre ele, é um planeta. Mas se ela piscar rapidamente é uma estrela". 

Isaías Duarte engata romance com bailarina do Aviões do Forró

DAIANE LOPES - FOTO 4A fila voa no mundo do forró. Após um breve affair com Mileide Mihaile, ex-mulher de seu desafeto, Wesley Safadão, Isaías Duarte, empresário da banda Aviões do Forró, já tem um novo amor. Trata-se de Daiane Lopes, dançarina da banda.

Pouca gente ainda sabe do namoro, mas quem esteve na festa de aniversário de Thais Leia, outra bailarina da banda, ficou de boca aberta com os chamegos entre os dois. “Isaías não fez questão nenhuma de esconder que estão juntos”, conta uma fonte ao EXTRA.

Na ocasião, na frente dos convidados da festa, Isaías deu a Daiane um anel de compromisso pelo início de namoro. Daiane é de Vitória, no Espírito Santo e fez parte do “Aviões do Forró” de 2010 a 2013. Chamada de Barbie pelos fãs, ela saiu da banda sem maiores explicações e retornou em 2015. A moça foi capa da “Playboy”, em edição especial, em agosto de 2011, ao lado de outras duas dançarinas da banda.
DAIANE LOPES - FOTO 1
DAIANE LOPES - FOTO 2
DAIANE LOPES - FOTO 3

"Queria me estuprar", revela repórter sobre Biel

<p>Após acusar Biel por assédio, durante uma coletiva de imprensa em 3 de maio, Giulia Pereira detalhou o ocorrido ao "Programa do Gugu", da Record, que foi ao ar na última quarta-feira (20). Na conversa, a jornalista revelou um trecho importante da conversa com o cantor, que não foi gravada - por ter sido no começo do encontro, quando ela ainda não tinha iniciado a entrevista. </p><p><b>VOCÊ VIU?</b> <a href="http://famosidades.com.br/musica/jornalista-que-acusa-biel-se-defende-na-tv.html">Jornalista que acusa Biel se defende na TV</a></p><p>"Ele perguntou para mim se a minha entrevista era a última do dia - e a minha era a penúltima. Aí ele olhou e falou: 'É uma pena'. Porque se fosse a última, ele iria me levar para um hotel e me estuprar. Isso sempre me deixa muito nervosa. Sempre é a parte que me deixa muito nervosa. A primeira coisa que eu fiz foi ligar o gravador. A primeira coisa que se ouve no áudio é quando eu falo: 'Vamos falar da sua música que é o que importa", lembrou. </p><p>A repórter, que chegou a chorar durante o papo, comentou ainda sobre o fato de o jovem ter dito que a quebraria "no meio" em uma eventual relação sexual. Ela lembrou que ficou bastante abalada após o compromisso profissional, mas que em nenhum momento pensou em deixar o local por estar preocupada com o material que deveria ser entregue aos editores no dia seguinte. </p><p>"Como estagiária, eu não tenho como levantar e ir embora. Eu tenho que levar o meu trabalho no dia seguinte pro meu editor. Seja ele em vídeo, áudio... eu tenho que entregar a entrevista que fui fazer", avaliou. "Eu ser simpática não dá abertura para que ele, e pra ninguém, fazer comentários que ele fez. Me oferecer beijo, perguntar se eu queria que ele mostrasse a heterossexualidade dele, me chamar de gostosa. Não existe isso."</p><p>Apesar das criticas que recebeu, a moça garantiu estar segura sobre sua denúncia, já que espera que cenas assim não se repitam. Mesmo que isso tenha resultado em sua demissão. Sobre o assunto, ela disparou: "Eu acho ingênuo achar que 'por acaso' as duas jornalistas [ela e sua editora] diretamente ligadas ao caso foram demitidas. É quase uma traição! Eu realmente não esperava esse tipo de coisa". </p><p>Adovgados de Giulia afirmaram que, após 15 dias do rgistro do Boletim de Ocorrência na delegacia, eles entraram com uma queixa crime por injúria contra Biel no Ministério Público. A Record tentou a versão do rapaz, mas não obteve resposta. </p>Após acusar Biel por assédio, durante uma coletiva de imprensa em 3 de maio, Giulia Pereira detalhou o ocorrido ao "Programa do Gugu", da Record, que foi ao ar na última quarta-feira (20). Na conversa, a jornalista revelou um trecho importante da conversa com o cantor, que não foi gravada - por ter sido no começo do encontro, quando ela ainda não tinha iniciado a entrevista.
"Ele perguntou para mim se a minha entrevista era a última do dia - e a minha era a penúltima. Aí ele olhou e falou: 'É uma pena'. Porque se fosse a última, ele iria me levar para um hotel e me estuprar. Isso sempre me deixa muito nervosa. Sempre é a parte que me deixa muito nervosa. A primeira coisa que eu fiz foi ligar o gravador. A primeira coisa que se ouve no áudio é quando eu falo: 'Vamos falar da sua música que é o que importa", lembrou.
A repórter, que chegou a chorar durante o papo, comentou ainda sobre o fato de o jovem ter dito que a quebraria "no meio" em uma eventual relação sexual. Ela lembrou que ficou bastante abalada após o compromisso profissional, mas que em nenhum momento pensou em deixar o local por estar preocupada com o material que deveria ser entregue aos editores no dia seguinte.
"Como estagiária, eu não tenho como levantar e ir embora. Eu tenho que levar o meu trabalho no dia seguinte pro meu editor. Seja ele em vídeo, áudio... eu tenho que entregar a entrevista que fui fazer", avaliou. "Eu ser simpática não dá abertura para que ele, e pra ninguém, fazer comentários que ele fez. Me oferecer beijo, perguntar se eu queria que ele mostrasse a heterossexualidade dele, me chamar de gostosa. Não existe isso."
Apesar das criticas que recebeu, a moça garantiu estar segura sobre sua denúncia, já que espera que cenas assim não se repitam. Mesmo que isso tenha resultado em sua demissão. Sobre o assunto, ela disparou: "Eu acho ingênuo achar que 'por acaso' as duas jornalistas [ela e sua editora] diretamente ligadas ao caso foram demitidas. É quase uma traição! Eu realmente não esperava esse tipo de coisa".
Adovgados de Giulia afirmaram que, após 15 dias do registro do Boletim de Ocorrência na delegacia, eles entraram com uma queixa crime por injúria contra Biel no Ministério Público. A Record tentou a versão do rapaz, mas não obteve resposta.

Pesquisa Datafolha sobre Temer e Dilma provoca polêmica

Consulta é criticada por blogs pró-Dilma; jornal nega que tenha havido erro.Uma polêmica sobre pesquisa Datafolha divulgada no domingo passado pelo jornal “Folha de S.Paulo” levou a direção do jornal a publicar esclarecimento em seu site na quarta-feira.
Blogs que apoiam a presidente afastada, Dilma Rousseff, acusaram o jornal de ter manipulado a pesquisa a favor do presidente interino, Michel Temer. A direção da “Folha”, porém, negou equívoco e reafirmou a reportagem sobre a consulta.
O centro do imbróglio é uma pergunta sobre a permanência de Temer ou a volta de Dilma. “Na sua opinião, o que seria melhor para o país: que Dilma voltasse à Presidência ou que Michel Temer continuasse no mandato até 2018?” foi a questão feita aos entrevistados em 14 e 15 de julho. Para 50%, Temer deve ficar, enquanto 32% responderam que Dilma deve reassumir e 3% disseram que preferiam nova eleição.
Os críticos afirmaram que teria havido erro na pesquisa porque a opção sobre novas eleições não teria sido oferecida aos entrevistados.
Em seu site, na quarta-feira, o jornal publicou: “Não há erro, e tanto a ‘Folha’ quanto o Datafolha agiram com transparência”, afirma Alessandro Janoni, diretor de pesquisa do instituto.
O Datafolha informou que a opção “novas eleições” foram mencionadas espontaneamente por 3% dos entrevistados e, portanto, ela foi incluída na pesquisa.
“Se uma alternativa é citada espontaneamente por mais de 1% dos pesquisados, isso deve ser destacado”, afirmou Janoni na reportagem.
O Datafolha acrescentou que foi feita uma pergunta explícita sobre a realização de nova eleição e que 62% se disseram favoráveis. Essa questão não foi reproduzida na reportagem divulgada pela “Folha”.
Sobre a não publicação de algumas questões do relatório, Sérgio Dávila, editor-executivo da “Folha”, afirmou que é prerrogativa do jornal escolher o que acha jornalisticamente mais relevante no momento em que decide publicar a pesquisa.
“O resultado da questão sobre a dupla renúncia de Dilma e Temer não nos pareceu especialmente noticioso, por praticamente repetir a tendência de pesquisa anterior e pela mudança no atual cenário político, em que essa possibilidade não é mais levada em conta”, disse Dávila, no texto publicado no site do jornal paulista.
Dávila ressalta que não é incomum o Datafolha fazer mais perguntas do que as que acabam sendo utilizadas nas reportagens.
A realização de novas eleições é uma tese que passou a ser defendida por Dilma desde que foi afastada do cargo, após o Senado aceitar a abertura do processo de impeachment.
A pesquisa teve margem de erro de dois pontos percentuais e ouviu 2.792 pessoas em 171 cidades.

quarta-feira, 20 de julho de 2016

Famosos reclamam após o bloqueio do WhatsApp nas redes sociais

A suspensão foi determinada nesta terça-feira, 19, pela juíza de fiscalização da Vara de Execuções Penais do Rio de Janeiro, Daniela Barbosa Assunção de Souza


Com o bloqueio do WhatsApp pela terceira vez,determinação da juíza de fiscalização da Vara de Execuções Penais do Rio de Janeiro, Daniela Barbosa Assunção de Souza, os famosos foram às redes sociais reclamar da suspensão do aplicativo. 

A apresentadora Luciana Gimenez foi a primeira a reclamar. "Começou o bloqueio do WhatsApp", declarou. Em seguida, a ex-BBB16 Munik, e campeã da última edição, também se manifestou. "Cara ficar sem WhatsApp não dá, meu Deus, o que eu vou fazer da minha vida agora? Eu fico o tempo todo no WhatsApp, minha vida é o WhatsApp", escreveu. 

O padre Fabio de Melo escreveu: "Estou aqui fazendo os últimos contatos antes do bloqueio. Até feliz natal eu já desejei". O promoter David Brazil disse que viver sem WhatsApp é difícil e que atrapalha os trabalhos.